https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

uma noite e um pedaço de poliéster

 
declamo-te
arrancando tudo de dentro
como se fosse uma emergência
gritando-te até acabar
com todas as portas abertas
apagando uma vela

desfaço-te]
fatiando-te em pensamento
celo a calma

cremo-te
com dois gravetos e um rolo de barbante
pelas prateleiras, pelo peito

escolho um lado
encomendo uma lua
colunas gregas
varandas cercando a casa
arrasto-te como barulho
apago-te com os lábios
viciando-te pela chuva

... por uma noite
sossegando-te... até enlouquecer
entre os dedos




Vania Lopez


Devo confessar que sou o contrário, meus passos seguem em contrário.
Sou uma pessoa inquieta, vou onde meu vento me leva. Artista Plástica e escritora, as vezes sem saber se pintoraqueescreve ou escritoraquepinta...
Procuro por algo, mas a intenção n...

 
Autor
Vania Lopez
 
Texto
Data
Leituras
1021
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
48 pontos
33
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 04/03/2014 10:37  Atualizado: 04/03/2014 18:31
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29355
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
As levezas das palavras encontra-se nesse magnifico poema. As vezes temos que arrancar coisas de dentro de nós, através do silêncio em vos do amor




Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/03/2014 11:23  Atualizado: 04/03/2014 11:23
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
não há poliester que não arda nas bordas de uma noite ardente. parabéns, Vânia.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/03/2014 12:43  Atualizado: 04/03/2014 14:19
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
*escrita plena, dinâmica, sensória, passional...plena de olhares, de instintos e imperativos!
beijos minha Maga das Letras.
k*


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 04/03/2014 13:18  Atualizado: 04/03/2014 13:18
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16283
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Parabéns Poetisa Vania!
Quanta inspiração! Poema arrebatador!
Adorei! Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/03/2014 16:51  Atualizado: 04/03/2014 16:51
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
meu coração bateu em dobro


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/03/2014 18:27  Atualizado: 04/03/2014 18:27
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Poetisa Vania,

Adorável!

Poema intenso, sedutor, completo...

Apenas uma palavra: PERFEITO!

Suspirei deste lado ...

Beijo,

Anggela


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/03/2014 23:05  Atualizado: 04/03/2014 23:05
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
A sutileza incontida nas chamas qua ardem um só nome, uma só boca - daquele que desperta todo o desejo. belíssimo poetar, parabéns!
beijinhos


Enviado por Tópico
RaipoetaLonato2010
Publicado: 04/03/2014 23:30  Atualizado: 04/03/2014 23:30
Colaborador
Usuário desde: 13/03/2010
Localidade: Paulínia-SP
Mensagens: 2687
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
"... por uma noite
sossegando-te... até enlouquecer
entre os dedos"

O poema reflete a essência do amor em estado latente de loucura.


Enviado por Tópico
sommerville
Publicado: 04/03/2014 23:42  Atualizado: 04/03/2014 23:42
Colaborador
Usuário desde: 21/08/2011
Localidade: Porto, Portugal
Mensagens: 1005
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
"declamo-te
desfaço-te]
cremo-te
arrasto-te
apago-te
sossegando-te..."

Eis a forma perfeita de favoritar o ser amado!

Sempre criativa, original e intensamente poética,parabéns.
Grato
Bjs


Enviado por Tópico
MarySSantos
Publicado: 05/03/2014 01:07  Atualizado: 05/03/2014 01:07
Luso de Ouro
Usuário desde: 06/06/2012
Localidade: Macapá/Amapá - Brasil
Mensagens: 5284
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Vânia, calo-me por não saber o que dizer e digo pelo prazer de ler-te; majestoso. obrigada.

bjo.


Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 05/03/2014 15:30  Atualizado: 05/03/2014 15:30
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9324
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Boa tarde Vania, sua personagem se apossa do seu pretendido amor, e o eleva ao topo dos seus valores afetivos, depois o descarta como algo já desnecessário,sepulta-o para livrar-se dos seus ranços, e mesmo assim padece das lembranças inexoráveis a uma relação amorosa intensa. um forte abraço, MJ.


Enviado por Tópico
andrealbuquerque
Publicado: 05/03/2014 22:15  Atualizado: 05/03/2014 22:15
Da casa!
Usuário desde: 18/12/2011
Localidade: Brasil
Mensagens: 326
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Um tecido composto de outro,imaterial,inefável e concreto.Feito da matéria dos sonhos e inspirador deste belíssimo poema.Obrigado .Beijos.


Enviado por Tópico
Transversal
Publicado: 06/03/2014 20:20  Atualizado: 06/03/2014 20:20
Colaborador
Usuário desde: 02/01/2011
Localidade: Fortaleza - Lisboa
Mensagens: 3687
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
"desfaço-te
arrasto-te
sossegando-te" declamando-te
"por uma noite
até enlouquecer
fatiando-te em pensamento" Magnífico Obrigado.

Agradeço-te


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/03/2014 20:26  Atualizado: 06/03/2014 20:26
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Belo e íninstigante !





M...

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/03/2014 20:29  Atualizado: 06/03/2014 20:29
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
Belo e íninstigante !





M...


Enviado por Tópico
quidam
Publicado: 08/03/2014 21:35  Atualizado: 08/03/2014 21:35
Colaborador
Usuário desde: 29/12/2006
Localidade: PORTIMÃO
Mensagens: 1438
 Re: uma noite e um pedaço de poliéster
belo exercício de palavras, palavras ditas, incessantemente reditas, técnica e sofrimento... uma forma superior de disfarce dos sentimentos...mistificação…. ironia... simplesmente lindo...