https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Macieira!

 
Open in new window

Encharcado tapiz límpido,
Recheado de sentido
de molhar todos os pés
e o pontapear das raízes
que crescem cheios de sentidos
negativos e saltitam em abraços
apertadinhos como malvaíscos laços
tapadinhos até crescerem frutos proibidos.

Vou contar uma bela e mística lenda;
Uma menina quase ou já no éden;
Vestida?quase nua ou com renda?
Ela vê uma árvore com um presente,
Sua beleza camuflava uma serpente.

Porquê que havia, maças
naquela belíssima macieira?
Agora qualquer um come maças
e todos morrem por asneira!

Quem não morre por uma maça
suculenta, docemente sumarenta?
Ela quer provar acha a maça especial,
Parece tentadora que eu até já vejo o final!

O que acontecerá se ela a provar?
Maça encarnada, diz ser o seu adorar,
Tão bela, lustrosa ,valiosa ,
e cheirosa , maravilhosa,
E só de pensar que vai morrer,
Crescem mais frutos para enfeitiçar nosso olhar!

Íris Correia/Quandoachuvacai


https://acor13.blogspot.com/2018/11/macieira.html


Eu sou só, mais uma sombra que anda por aí e quem projeta-me, inevitavelmente acompanha-me.

Íris Correia /Quandoachuvacai-A.C.O.R


blogger:https://acor13.blogspot.pt/




 
Autor
Quandoachuvacai
 
Texto
Data
Leituras
1834
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
34 pontos
2
4
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 07/11/2014 10:19  Atualizado: 10/11/2014 12:20
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29356
 Re: Porquê que havia, maças?
As vezes nossos sentimentos se inerte, se trabutam naquele sentir que nossos olhos choram os pecados, sumaramente