https://www.poetris.com/
 
Mensagens -> Natal : 

*NO NATAL

 
Open in new window

*No Natal

A estela viajava lenta
Os magos atentos à chegada.
Era tanto silêncio, e beleza,
Que a gruta quieta a chamada,

Acolhia os seres inquietos
Com olhar brilhante, sopro quente,
Servia de cobertor, de aconchego,
Nas palhas macias pertinentes.

A mãe sorria para o menino,
José cabisbaixo contemplava,
Os magos com presentes tremiam,
O mundo inocente ignorava:

Que o rei acabara de nascer
Para unir as nações, ensinar
O perdão, a fé, a igualdade,
A cada pessoa, em cada pensar,

Em cada ano, em cada momento
Em qualquer lugar, e na dor
Emergir do abismo iminente,
Para crer em Deus, o Salvador.

Sonia Nogueira


Livros Publicados:
- Por Justa Causa - contos
- Nas Entrelinhas (200 sonetos)
- A Pequena May - juvenil
-Datas Comemorativas em Poesias
-Eu Poesia, Contos e Crônicas
-No Reino de Sininho, infantil
- A Janela Azul
- Contação de História Infantil...

 
Autor
SoniaNogueira
 
Texto
Data
Leituras
448
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
20 pontos
0
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.