https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

O abismo dentro de mim

 
O abismo dentro de mim
 
O dia amanheceu mais uma vez e as cores parecem menos vibrantes, com menos tonalidades.

Ao olhar-se no espelho as olheiras tornam-se mais nítidas e o cabelo com um penteado bagunçado, criam novos formatos todos os dias.

O trabalho a ser feito, a casa para ser ajeitada e a pessoa amada para dar a devida atenção. (Sem sucesso!)

O dia passa e a fresta do abismo começa a expandir-se.

Sem notar, a fenda torna-se ainda maior.
As mãos na cabeça a todo momento atordoadas e o estresse crescendo.

O abismo torna-se tão imenso que chega ao ponto de regressão!

Falacias, atitudes erronias, são tantas...

A angústia apenas por querer retirar-se e dormir.

Segurar todos os soníferos possíveis e ingeri-los para não ver-se caindo ao imenso abismo...

A força necessitada para dar continuidade e não perecer é quase intangível.

No interior, já caindo dia após dia surge de algum modo vibrações positivas afim de puxar-te para cima, auxiliar-te por simplesmente te amarem!




Sara Sed
 
Autor
SED
Autor
 
Texto
Data
Leituras
817
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.