https://www.poetris.com/
Poemas : 

VESTIDA DE AMOR

 
Open in new window











VESTIDA DE AMOR

sensiveis toques
onde morrem suas maos
num aconchego de delicias
o ziper escorrega
a blusa se abre
os seios movem-se
com a respiracao
mostro-me com pudor
enquanto seus olhos
me despem com amor

bendita seja
suas maos experientes
que me entorpecem
e seu olhar que derrama
em meu corpo
pura adrenalina

sei que voce sente
o tremor da minha pele
em cada curva
e a volupia lenta
de meus gestos

sensiveis toques
quando se unem
incontrolaveis
despe meu pudor
e o corpo entrega-se
vestindo-se nu
de amor


*Mary Fioratti*


 
Autor
MaryFioratti
 
Texto
Data
Leituras
159
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 17/10/2019 12:58  Atualizado: 17/10/2019 12:58
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29334
 Re: VESTIDA DE AMOR
Momentos que começa em suspiros, onde o silêncio vai se afagando de um jeito fogoso, que peles e peles se juntam em beijos e desejos, que se molhamos naquele delicioso prazer, Uma delicia de poema, beijos meus

Enviado por Tópico
Violante
Publicado: 17/10/2019 18:13  Atualizado: 17/10/2019 18:13
Super Participativo
Usuário desde: 10/09/2019
Localidade: Campinas, Brasil
Mensagens: 116
 Re: VESTIDA DE AMOR
...Vestindo-se nu de amor...

Amei seu poema. O amor é despido. Se mostra.

Carpe diem!