https://www.poetris.com/
Poemas : 

VERSOS PARA ANA (uma história de amor)

 
Tags:  amor    poeta    poemas    versos    poesias    saudades.  
 




Não posso dizer em inglês
que te amo,
essa é a única coisa preciosa que possuo.
Não quero estar em Harvard falando em inglês
com aquela loira nojenta,
falar em inglês that the smell of it
hurts my nose
(que o aroma dela fere o meu olfato).
Quero estar bem pertinho de ti,
sentindo a carícia suave de sua mão
que acaricia o meu rosto, a barba...
enquanto a outra mão suavemente me acaricia
o pênis. Afora isso,
é uma má digestão tanto do leite quanto do pão,
portanto, prefiro os teus seios.

...........

Este poema não é mais que mais um poema
desabafando amor,
penso em ti e adejo pelo infinito:
na solidão tu estás comigo,
e se penso em teu rosto
não tenho medo da tempestade;
e se o teu sorriso me vem na mente,
me pego sorrindo também;
tudo o que penso, que falo, que vejo, que sinto:
Tudo és tu, só tu.
E se tiver que viver longe de ti,
dispenso o sol de cada dia,
quero morrer amando,
Eternamente, te amo. Eternamente.

..........
Lendo um livro,
nele estás,
numa canção que ouço,
também estás,
nas minhas refeições
estás comigo,
onde quer que eu vá,
tua imagem me acompanha.
Sempre presente em mim:
embora vivamos
em dimensões diferentes,
eu habito em ti, e tu em mim.

.....

O amor
é uma condição
em que a felicidade
da outra pessoa
é essencial
para a tua própria felicidade.

......


Por que plantastes em meu peito o teu nome
e a ternura dos teus encantos
como se planta a semente do amor
em corações férteis e regados?

Por que transbordas em mim o teu negro olhar
como uma luz de vênus cintilando em minha alma
e penetra em meu coração como um punhal impiedoso?

Por que brilha ao sol o teu nome e me arde
como feridas em chamas nas labaredas da paixão
o ardente fogo do amor alado?

Por que insinuas quase nua o teu corpo moreno
e queimado e dourado de sinuosas curvas
transpirando malícias que me devoram?

Por que o teu olhar visita o meu em indagações
que não sei explicar e que no entanto o coração sente?

Por que plantastes o amor em mim?

.....

Falou ela pois, se é eterno,
não sei; uma coisa sei,
e é que,
havendo eu nunca amado,
agora amo.

.....


Tentei que tentei
fazer um verso bem simples,
apenas uma rima colorida,
parra fazer da saudade, uma poesia.
Bem que tentei, não consegui,
os teus olhos me perseguem.

.....


Poesia não é para ser bebida,
nem para ser cozida,
nem para ser vendida,
é para outonar,
primaverar...
A poesia é para sonhar
o sonho e ser flor.

.....


 
Autor
raymundocortizoperez
 
Texto
Data
Leituras
28
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.