https://www.poetris.com/
Poemas : 

Os óculos da vovó (D. Marcos Barbosa, monge beneditino)

 
Open in new window

- Como acabar meu tricô,
como assistir à novela,
se esses óculos benditos
me somem sem mais aquela?
Vovó, procurando os óculos,
vai do quarto para a sala
e de novo volta ao quarto,
sem ninguém para ajudá-la.
E até parece que os netos
estão a se divertir,
pois mesmo seu predileto
faz força para não rir.
Deve saber onde estão,
porque lhe diz o malvado:
- Já está ficando quente
seu chicotinho queimado!
E o diz quando está no quarto
ou à sala torna a voltar.
- Mas como pode uma coisa
em dois lugares estar?
Em sinal de desespero
leva então as mãos à testa:
ali estão os seus óculos
e tudo vira uma festa.

Dom Marcos Barbosa, monge beneditino do Mosteiro São Bento, que tinha famoso programa na Rádio Jornal do Brasil, RJ, nos anos 60 a 80: Encontro Marcado.

Arte por Nino Chakvetadze
 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
95
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.