https://www.poetris.com/
Poemas : 

Carícia

 
Carícia

Espanto! Surpresa! Temor!
Sensações presas à tristeza.
Perplexidade! Indignação! Desamor!
Cotidianos amarrados à incerteza.
Desumanidade! Ódio! Ignorância!
Cresceram arrebatando a violência.
Medo! Dúvida! Incompreensões!
Afastaram amizades dos corações.
Isolamento! Solidão! Saudade!
Formaram miscelânea de confusas correntes.
Descompassaram opiniões divergentes.
Misturaram ideologias com rancores.
Trouxeram feridas não cicatrizantes.
Embeberam lágrimas com amargos suores.
Esqueceram que somos humanos.
Deletaram o necessário respeito.
Atiraram na alma rotos panos.
Deixaram o amor sem jeito.
Luz! Esperança! Amizade!
Surgiram com o preparo salvador da ciência.
Avançaram com um terremoto de sapiência.
Objetivaram doce carícia para nos trazer de volta à vida.

Alexandre Sansone
19.01.2021
















 
Autor
Sansone
Autor
 
Texto
Data
Leituras
65
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Erotides
Publicado: 19/01/2021 22:48  Atualizado: 19/01/2021 22:48
Colaborador
Usuário desde: 26/02/2020
Localidade: BRASIL
Mensagens: 754
 Re: Carícia
O poema é bom de ler . Mas vamos esperar, vamos ter esperança. Algo precisa ser feito. Cada um fazendo a sua parte porquê todos precisa trabalhar e colaborar . A ciência é para ser seguida.