https://www.poetris.com/
Poemas : 

Limite

 
Vida que canta melodicamente
A aventura da força esmagadora
no seu peito rasgado pela magia do coração

Existência que grita aos quatro cantos,
a loucura poética que recita você ,
na palavra declamada em sentido oposto.

Presença certa no amanhã após o nascer do sol

Vivencia confiada no sentimento louco de nosso limite.

TCintra

 
Autor
Tcintra
Autor
 
Texto
Data
Leituras
44
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
0
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.