https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

TATIBITATE

 
Tags:  amor  
 
Quando aprendi a te amar
Também aprendi a viver,
Redescobri o meu ser
E reaprendi a sonhar!
Antes de aprender a te amar,
Achava que era feliz e mal sabia...
Sabia o que era sofrer
Até te conhecer e saber
O que o nosso amor me ensinaria!
Soletrar seu nome,
Te rebatizar com tatibitates,
Outros parangolés e apelidos!
Rasurar os defeitos e te desenhar
Ao idealizar as formas sob seus vestidos!
Aprendi que os astros e estrelas
Não só ainda estão lá e 'aí' pra nós
Como também sempre conspiraram!
Que o amor foi criado por Deus
E que nele vale tudo como nas guerras
Que os homens inventam...!
Que deusas, fadas, musas, princesas
E até a felicidade também existem!
Que tudo e todos estavam errados,
A diferença entre amor e paixão
E que a última é complicada,
Mas também pode ser bem resolvida!
Aprendi amar você já sabendo que foi com a pessoa certa...!
Aprendi a te amar e de mais nada quero saber!
Aprendi sobre o que devo superar, esquecer,
'Não esquecer', deixar e o que não quero perder!
Aprendi com teorias fantasiosas até se tornarem
Aulas práticas na forma desses beijos!
Aprendi a ser um escritor que não sabe escrever,
Mas que escreve sem saber e o que sai é poesia!
Aprendi a te amar e continuo aprendendo...
Mas sei do nosso amor desde sempre e você 'mal sabia'!

*MAIS DE MIM EM:
https://gustavoreymond.blogspot.com/

 
Autor
DANGUSTAVO
 
Texto
Data
Leituras
131
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.