https://www.poetris.com/
Poemas : 

A gaivota que esperou o sol no entardecer

 
 


não dei conta
do trilho
vazio

segui
guiando
um coração
em tua direção

aproveitei o farol
de uma luz
para desviar
a escuridão
dos passos

julguei mal
a origem
de um clarão

vi nos teus raios
os braços
clamando
a presença dos meus

acreditei
que um dia
seria
um astro
a orbitar
á tua volta

a verdade
foi uma visão mal calculada
a tua luz tinha outro destino
outro rosto
outra alma
outro porto
outra margem




 
Autor
Frágilvocábulo
 
Texto
Data
Leituras
179
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
4
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
JorgeJacinto
Publicado: 01/12/2022 17:13  Atualizado: 01/12/2022 17:13
Super Participativo
Usuário desde: 22/02/2011
Localidade: Curitiba
Mensagens: 139
 Re: A gaivota que esperou o sol no entardecer
Adorei!


Enviado por Tópico
Almamater
Publicado: 04/12/2022 17:57  Atualizado: 04/12/2022 17:57
Super Participativo
Usuário desde: 16/02/2021
Localidade:
Mensagens: 173
 Re: A gaivota que esperou o sol no entardecer
…ou o vazio.
mais isso.