https://www.poetris.com/
 
 
Tags:  amor      
 
Que se passa Alma cansada?
Que se passa?
Estou desgastada, afadigada.
E não recuperas?
Não me soltam um segundo!
Sempre a ler, sempre a estudar,
Sempre ao computador, por vezes a trabalhar.
Há problemas, segredos que me esgotam!
Aqueles que me revelam e não consigo suportar,
São barras pesadas para sozinha poder carregar.
Minúsculas discussões tornam-se em grandes complicações.
Almas que se magoam sem querer, sentimentos sentidos sem tenção de os ter.
Quem te pode curar? Oh Alma tenho a certeza de que Alguém há de te poder sarar?!
Sim! Há uma solução! Mas ando tão longe! Mal forças tenho para me manter de pé…
Falta-me a energia, o entusiasmo… A fé.
Oh Alma não desanimes, eu conheço Alguém! Ele é o caminho, a verdade e a vida! É a paz que amaina, é o mar, a brandura. É a brisa suave no rosto, é o sol poente. É a palmeira bailante.
Reconheces?
Então… Não te inquietes, Oh Alma.


Inês Lage

 
Autor
Inês Brito
 
Texto
Data
Leituras
1058
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 10/06/2008 01:49  Atualizado: 10/06/2008 01:49
Membro de honra
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3335
 Re: Alma
Olá Inês!
Muito bom seu texto, a nossa alma é constantemente bombardeada e testada por muitos desafios; sejam benéficos e maléficos, a única alma divina que pode nos socorrer é Jesus!
Parabéns poetisa!
Abraços!
Fhatima