https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

QUIS BEIJAR O TEU CORPO

 
Tags:  amor    ilusão    frio  
 
Agora sei quem sou. Sei quem sou eu!
Virei as costas a tudo o que era ilusão.
O nosso amor morreu, não disse adeus.
E ficou feliz e alegre o meu coração.

Em mim, como um fantasma de desejos,
Tu moraste sem conheceres a morada.
Tu eras fria como eram os teus beijos
Não tinham sabor a mel, não tinham nada.

Eu era um mal amado, homem de outras eras
Que vivia ainda sem o fogo de um pecador,
Aquele fogo que aquece os desejos, o amor.

Agora sei quem sou, só vivi de quimeras.
Quis beijar o teu corpo sem o conseguir,
Mas hoje é o meu corpo que começa a rir.

A. da fonseca




SOU COMO SOU E NÃO COMO OS OUTROS QUEIRAM QUE EU SEJA

Sociedade Portuguesa de Autores a Lisboa
AUTOR Nº 16430
http://sacavempoesia.blogspot.com em português
http://monplaisiramoi.eklablog.com. contos para as crianças de 3 à 103 ans
http://a...

 
Autor
Alberto da fonseca
 
Texto
Data
Leituras
1078
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
24 pontos
24
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 25/10/2008 15:00  Atualizado: 25/10/2008 15:00
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5591
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Meu amigo, que poema maravilhoso!
Algo de ver as coisas da vida com um bom humor que é pra poucos!
Enxerguei assim!
Forte abraço
Edilson


Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 25/10/2008 15:03  Atualizado: 25/10/2008 15:03
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14964
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO p/ Alberto da fonseca
Querido amigo Alberto

Deu um friozinho aqui em ler teu poema
hoje com uma pontadinha de tristeza, mas
quem disse que o amor é só felicidade?
Gostei amigo muito lindo apesar que teus
poemas são sempre alegres...Ainda bem que
é inspiração de poeta...

Beijinhos no coração


Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 25/10/2008 15:20  Atualizado: 25/10/2008 15:20
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12082
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Belo poema...com um pouco de tristeza poetica,amor sofrido.

Em mim, como um fantasma de desejos,
Tu moraste sem conheceres a morada.
Tu eras fria como eram os teus beijos
Não tinham sabor a mel, não tinham nada.

Beijos


Enviado por Tópico
mim
Publicado: 25/10/2008 16:07  Atualizado: 25/10/2008 16:07
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2008
Localidade:
Mensagens: 2858
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Alberto
Poema bonito mas muito triste estou à espera que se anime, tenho saudades de me rir consigo.(até já estou quase a pedir para o sporting ganhar ).
Beijos


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 25/10/2008 16:40  Atualizado: 25/10/2008 16:40
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Se não deu certo essa, tem e que tentar outra, né? Ficou otinma sua poesia!Desejo um bom final de semana!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 25/10/2008 17:43  Atualizado: 25/10/2008 17:43
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Alberto, “primo”!

É um gosto ler esse poema. Sei do teu exercício constante na poesia, usufruindo desse espaço da melhor maneira possível. A sua poesia cresce em criatividade e a gente agradece. Bem haja!


Enviado por Tópico
sisnando
Publicado: 25/10/2008 18:19  Atualizado: 25/10/2008 18:19
Colaborador
Usuário desde: 21/10/2008
Localidade: Fafe
Mensagens: 589
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Muito bom o seu poema, e o mais dificil è reconhecermos que nao somos amados,que nao somos correspondidos!E mesmo vulneravel consegue encontrar um lado bom,manter um sorriso!!
Parabens


Enviado por Tópico
Frederico Rego Jr
Publicado: 25/10/2008 18:33  Atualizado: 25/10/2008 18:33
Da casa!
Usuário desde: 15/01/2008
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 392
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
O poeta se livrou de uma boa! Gostei da poesia amigo Alberto .


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 25/10/2008 19:23  Atualizado: 25/10/2008 19:23
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
"Agora sei quem sou, só vivi de quimeras".

Ah!... querido amigo Albert, o que seria do poeta se não vivesse de quimeras. É o que sustenta as nossas poesias.

Abraço fraterno.
SIlveira


Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 25/10/2008 21:38  Atualizado: 25/10/2008 21:38
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2106
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO p/ Alberto da fonseca
Alberto,

Todos os poetas vivemos de quimeras...
Umas mais dolorosa, outras mais felizes, mas bem no fundinho, sempre quimeras!

Beijinhos em seu coração!

Fatinha.


Enviado por Tópico
Vera Sousa
Publicado: 26/10/2008 00:03  Atualizado: 26/10/2008 00:03
Membro de honra
Usuário desde: 04/10/2006
Localidade: Amadora
Mensagens: 4100
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Alberto, que romântico!
Estes versos aqui:

"Eu era um mal amado, homem de outras eras
Que vivia ainda sem o fogo de um pecador,
Aquele fogo que aquece os desejos, o amor"

encantaram-me demais! Adorei, meu querido poeta!
Parabéns! Está brilhante.

Beijinhos


Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 26/10/2008 00:11  Atualizado: 26/10/2008 00:11
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: QUIS BEIJAR O TEU CORPO
Belíssimo soneto.

Um abraço