https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

PARA LEMBRAR…

 
Lembra-me um dia
sem que eu te peça
do verso esquecido
que no teu corpo ficou
na noite impiedosa
de tanto amor e fulgor
Certeza e paixão fechadas
na palma da mão
Não estendas então
essa memória de palavras
onde vindas do nada
cada se transformou
cuidadosamente lapidada
pelos corpos em verso nu
banidas de qualquer tema
onde coube a vida inteira
outra vida de outra maneira
apenas sentida num poema,
escrito nesta lembrança sem lema.


Jorge Oliveira

VISITE E COMENTE O MEU BLOG

Mais poemas em:


http://afacedossentidos.blogspot.com/

 
Autor
quidam
Autor
 
Texto
Data
Leituras
580
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 03/12/2008 20:14  Atualizado: 03/12/2008 20:14
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: PARA LEMBRAR…
Nem preciso dizer que sou sua fã! Como eu gosto do que vc escreve, Jorge! Parabéns! Bj

Enviado por Tópico
LuisaMargaridaRap
Publicado: 03/12/2008 20:20  Atualizado: 03/12/2008 20:20
Colaborador
Usuário desde: 19/08/2008
Localidade: Portalegre - Alentejo
Mensagens: 1512
 Re: PARA LEMBRAR…
Quidam,
só o começo me conquistou,

Lembra-me um dia
sem que eu te peça
do verso esquecido
que no teu corpo ficou
na noite impiedosa
de tanto amor e fulgor

... Ela( a tua musa) vai gostar de ler como eu
gostei

Beijinho

Luisa Raposo

Enviado por Tópico
Gothicum
Publicado: 03/12/2008 22:19  Atualizado: 03/12/2008 22:19
Da casa!
Usuário desde: 21/09/2008
Localidade: Galáxia de Andrômeda
Mensagens: 427
 Re: PARA LEMBRAR…
"Usamos os espelhos para ver o rosto e a arte para ver a alma."
(George Bernard Shaw)

Muito bom, muito bom mesmo. Obrigado por escrever e partilhar.

Enviado por Tópico
mim
Publicado: 05/12/2008 01:16  Atualizado: 05/12/2008 01:16
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2008
Localidade:
Mensagens: 2858
 Re: PARA LEMBRAR…
Recordar é viver...estou a ficar completamente fã !
jinhos