https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Mentira de Amor

 
Tags:  amor    saudade    amizade    homenagem  
 
Teus olhos que ainda brilham,
E não mais consigo ver;

Tua voz que ainda ouço ao longe,
E nunca consegui esquecer;

É minha busca de todo dia,
Justifica meu viver.

Tua vida que ainda invade todo meu ser,
É tudo que sonho, mas não tenho.

Por isso minto sempre, para mim e para você,
Quando digo: Não te amo, não te quero.

Quando digo: Vá com Deus, não mais te espero,
Não és mais minha quimera, razão do meu viver.


Ailton Ferreira

Nota:

Republicado.

Inspirado no poema “ Utopia“ de “ Maura”
 
Autor
ailtoninweb
 
Texto
Data
Leituras
591
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
FatinhaMussato
Publicado: 10/01/2009 22:43  Atualizado: 10/01/2009 22:43
Colaborador
Usuário desde: 17/11/2007
Localidade: Jales (SP / BR)
Mensagens: 2106
 Re: Mentira de Amor p/ ailtoninweb
Ailton, Menino do Rio,

Há momentos em que se faz necessário mentir para que possamos continuar a nossa jornada!

Beijinhos carinhosos em seu coração!

Fatinha.