https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

O Meu Barco

 
Open in new window

Lá está ele...
O meu barquinho
Tão branquinho
Tão pequenino
Na imensidão do horizonte.

Distante ele flutua
Embalado pelas vagas do mar.
Quisera eu lá,dentro dele,estar!
Sentindo a brisa salgada
A desalinhar-me os cabelos,
Partir sem saber da chegada,
Fazendo dessa vida errante
Um entusiasmante modelo.

Mas cá estou eu:
Do meu barco afastado
Navegando em pleno breu
De sonhos fracassados.
Ah barco meu...
Que fim inesperado
Este meu.



Doriana Albuquerque

 
Autor
Doriana
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1620
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
4
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Henricabilio
Publicado: 13/08/2009 08:42  Atualizado: 13/08/2009 08:42
Colaborador
Usuário desde: 02/04/2009
Localidade: Caldas da Rainha - Portugal
Mensagens: 6963
 Re: O Meu Barco
Possam os sonhos florescer e embarcar sem mais fracassos.
Um abraçooo!
Abili0


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2009 06:02  Atualizado: 14/08/2009 06:02
 Re: O Meu Barco
Bela imagem de contastes entre o sonho desejado e e o fracasso do mesmo. Imagem contemplativa numa metáfora muito bela e original.

Simplesmente maravilhoso. Já agora que o lindo barquinho continue a navegar no sonho.

beijo azul

Favorito.