https://www.poetris.com/

 
Textos deste autor
Offline
PatríciaXimenes
Nesse tempo em que os amantes por vezes se tornam errantes
Dueto (Ricardo Neves e Patrícia Ximenes) Nesse tempo em que os amantes por vezes se tornam err...
Enviado por PatríciaXimenes
em 14/01/2011 15:48:30
Textos deste autor
Offline
anakosby
Ouvindo a cada dia o batimento do coração
Bate aflito a cada grito, é assim, bate aflito em conflito dentro de mim Morre quando é não morre...
Enviado por anakosby
em 11/12/2010 22:38:05
Textos deste autor
Offline
Marcelo
MARIA LUIZA
MARIA LUIZA Aqui jaz a Brisa do tempo, aqui jaz... Escrito na lapide envelhecida Descansas na t...
Enviado por Marcelo
em 20/03/2009 23:17:12
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Janaina Menina
Janaina, cabocla menina... Mãe natureza que mais me fascina Teu olhar cor de jambo, pequena flo...
Enviado por Marcelo
em 03/03/2009 13:13:14
Textos deste autor
Offline
Marcelo
ARCO IRIS INCOLOR
ARCO IRIS INCOLOR Onde o sol se põe Um rosto triste a chorar Tristeza que se decompõem Vontade ...
Enviado por Marcelo
em 13/02/2009 21:59:13
Textos deste autor
Offline
vandapaz
À conversa
Baralhei o poema, parti os versos e dei as palavras. Rasguei a conversa entregando a solidão à p...
Enviado por vandapaz
em 03/02/2009 23:32:41
Textos deste autor
Offline
Tália
Dueto- Ondas de Ti
Desenho teu rosto na areia e deixo o mar beijar-te a boca, que aguardo com loucura nos meus lábio...
Enviado por Tália
em 01/07/2008 22:35:15
Textos deste autor
Offline
Tália
Dueto - O coração em consulta
O (im)paciente potencialmente auditado Não quero tornar o coração uma bandeira, dessas que se ag...
Enviado por Tália
em 14/02/2008 22:48:28
Textos deste autor
Offline
Le Tab
Pai...
Senhor! Quero entender as palavras que tu escreves, mas não consigo...Fico a pensar nelas, durmo...
Enviado por Le Tab
em 18/01/2008 09:40:16
Textos deste autor
Offline
Tália
Dueto - Para Ti Poeta
As palavras inquietantes Que escreves Enchem-me De pensamentos insanos, Perdidas nos versos ...
Enviado por Tália
em 20/12/2007 12:01:24
Textos deste autor
Offline
Tália
Dueto - Procura
Dá-me a tua mão voa comigo deixemo-nos planar por baixo do céu estrelado por cima da prata do mar...
Enviado por Tália
em 27/10/2007 18:29:04
Textos deste autor
Offline
Tália
Dueto-Descanso na tua poesia
Deitei-me sobre um poema teu. Senti as palavras de amor no meu corpo nu. Cobri-me... Com uma mant...
Enviado por Tália
em 05/09/2007 17:36:13
Textos deste autor
Offline
Tália
Dueto - Vento Renovador
Hoje subi ao cimo de um monte e esperei que o vento levasse todos os meus sentimentos. Logrei o a...
Enviado por Tália
em 27/08/2007 17:33:19
Textos deste autor
Offline
Tália
"MULHER" - Dueto
Por vezes sentimos a vida a escorrer por entre dedos. A alma vai-se esvaziando, até nos sentirmos...
Enviado por Tália
em 29/07/2007 17:26:21