https://www.poetris.com/
 
Mensagens -> Desabafo : 

A Importância da Escrita

 
A Importância da Escrita


Somos aquilo que escrevemos, ou naquilo que escrevemos demonstramos o que somos?

Porque a nossa imagem pode induzir em erro, porque a nossa voz pode desviar a opinião que se forma, mas no que escrevemos existe a obrigação de ser o mais próximo de nós e aqui falo de áreas muito dispersas, mas que complementam o Ser.

Posso ser relevante na escrita de ficção, mas o meu cunho estará algures nessa escrita, posso escrever poesia ou prosa, mas o meu mundo ou o meu sonho/desejo será relatado por entre as imagens deixadas em cada frase.

Não que me importe o género de escrita, não que me importe o tema escolhido, mas sim a mensagem que saia de dentro de cada um.

Afinal o que é que conta, a mensagem ou o desejo de quem lê?


Escrevo…para libertar as personagens que não consigo Ser!
________________________________________
http://catalogoluademarfim.blogspot.pt/

http://catalogoluademarfim.blogspot.pt/



 
Autor
Paulo Afonso Ramos
 
Texto
Data
Leituras
8652
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Caopoeta
Publicado: 15/08/2007 14:31  Atualizado: 15/08/2007 14:31
Colaborador
Usuário desde: 12/07/2007
Localidade:
Mensagens: 2027
 Re: A Importância da Escrita
"Dizem que finjo ou minto
Tudo que escrevo. Não.
Eu simplesmente sinto
Com a imaginação.
Não uso o coração.

Tudo o que sonho ou passo,
O que me falha ou finda,
É como que um terraço
Sobre outra coisa ainda.
Essa coisa é que é linda.

Por isso escrevo em meio
Do que não está de pé,
Livre do meu enleio,
Sério do que não é.
Sentir? Sinta quem lê!"

Fernando Pessoa


Tudo de bom ...abraço

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/08/2007 16:32  Atualizado: 15/08/2007 16:32
 Re: A Importância da Escrita
.....

Companheiro,

sempre que despidas de intenções menos nobres, todas as opiniões são válidas, os desabafos também.

Na verdade, ao ser humano foi concedido o dom da palavra, a capacidade de pensar e agir, abençoados os que disso sabem tirar partido com elevação.

....................

Abraço