https://www.poetris.com/
 
 
Ser Eu

Ser este monstro que é humano
Arregala os olhos de dor
Escancara os dentes sorriso macabro
O seu próximo não vale nada
Que dizer da culpa que leva a prece
Se no peito pulsa fingida identidade
Levando a crer no perdão
Sai por ai na contramão.
Olho pra dentro e me vejo
Aí sim me dá medo
Desconheço os caminhos em labirinto
Escondido em qualquer esquina
Finjo ser estatua
No breu da noite sem lua
Espero astuto ser voce meu luto.

Jamaveira®


Jamaveira - O medo escraviza a Alma

 
Autor
jamaveira
Autor
 
Texto
Data
Leituras
434
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Conceição Bernardino
Publicado: 08/10/2009 22:12  Atualizado: 08/10/2009 22:12
Colaborador
Usuário desde: 22/08/2009
Localidade: Porto
Mensagens: 3332
 Re: Ser Eu
o medo irracional transmuta-nos a meras feras humanas e mais nada do que isso, é a nossa condição.

beijo