https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

SERENATA

 
Apenas somos.
Respiramos
um firmamento perfumado
raiado de flores,
multiplicando,
na pele generosa,
os silêncios e cores
com que nos amamos.
Lá fora,
o mar murmura
teu nome de rosa
num tempo suspenso
perpetuando o imenso
que somos agora.

 
Autor
laroche_l
Autor
 
Texto
Data
Leituras
613
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
8
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/05/2010 20:24  Atualizado: 03/05/2010 20:24
 Re: SERENATA
Lindo ,``Respiramos
um firmamento perfumado
raiado de flores´´Sempre uma bela surpresa a leitura por cá

abraços
mary


Enviado por Tópico
Sterea
Publicado: 03/05/2010 20:26  Atualizado: 03/05/2010 20:26
Colaborador
Usuário desde: 20/05/2008
Localidade: Porto
Mensagens: 3397
 Re: SERENATA
São um mundo de palavras, os teus poemas... não parecem, mas são! As palavras medem-se pela grandeza de significado...

Beijinhos..


Enviado por Tópico
eduardas
Publicado: 03/05/2010 22:27  Atualizado: 03/05/2010 22:27
Colaborador
Usuário desde: 19/10/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3731
 Re: SERENATA p/Laroche
Aqui respiramos a beleza e grandeza das palavras.

bj
Eduarda


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/05/2010 04:39  Atualizado: 09/05/2010 04:39
 Re: SERENATA
Há sempre no regressar das águas esses perfumes de sonhos.... lindo... adorei, bjus