https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

Sónia Fonseca - Promessas

 
Juras de sangue, promessas de amor
perdidos no deserto desatinando com a dor.
Revelações de carinho e laços de fraternidade
sonhos desvanecidos perdidos na mentira da verdade.
Luzes brilhando na escuridão,
queimam e destroçam o meu coração.


Fui e voltei, a dor arde, agora eu sei.
Tantas promessas eternas perdidas nas estrelas.
Choro agora um passado reflectido no coração,
em que passas-te de amor a desilusão...

O gelo queima, a chama que nos une
funde-se o amor numa mistura que não se define.
Os ventos levam tudo aquilo que juntos construimos
e num misto de dor e saudade choro pelas vezes que sorrimos.
Perdidos estão, os sentimentos veêm e vão,
mesmo estando perdidos no meu coração estarão...


Fui e voltei, a dor arde, agora eu sei.
Tantas promessas eternas perdidas nas estrelas.
Choro agora um passado reflectido no coração,
em que passas-te de amor a desilusão...

(chama-me e chora comigo, torna este sentimento num achado perdido)

 
Autor
soofonseca
 
Texto
Data
Leituras
556
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 29/05/2011 23:27  Atualizado: 29/05/2011 23:27
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29152
 Re: Sónia Fonseca - Promessas
A DOR DE UM AMAOR, DEIXO MEU ABRAÇO