https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Ao Estudante

 
Ontem fui veleiro de muitos sonhos
E brincadeiras de tanto querer:
Profissões e super-heróis de mundos.
O querer mudou. Mais, quero aprender.

Vislumbro minha capa e trovo ensejos.
Colorida pelos entes dos cursos
Que são artistas por pintarem percursos
E inspiradores para os meus despejos.

O espelho da alma veste-se de pranto
Nostálgico, o tempo que foi, passou.
E os momentos? Aqueles que deixou
Presentes memórias que não acrescento.

Fito agora o fado que desconheço
Enquanto amontoo meus livros na estante.
Desafios e metas terão começo
De um futuro apetecido e brilhante.

Joel Fonseca Reis (14.Junho.2011)

 
Autor
joelreis
Autor
 
Texto
Data
Leituras
628
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
2
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
soldantas
Publicado: 21/06/2011 03:14  Atualizado: 21/06/2011 03:14
Participativo
Usuário desde: 11/05/2011
Localidade:
Mensagens: 20
 Re: Ao Estudante
Bom poema!!! Em estrutura e em mensagem... Prazer em te ler! Bjs, Sol