https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Dragão adormecido

 
No encontro com uma nova madrugada, o passado, passo em desfiada.
Dias em que mansamente chegando, e meu doce dragão acariciando,
Chegas te a um nobre coração, com um so movimento, o despertando.
Relembro dias de alegria, e saudade, tristeza e felecidade.
Momentos de paixão, ilusão, emoção,magia, comoção e fantasia.
Tempos e lugares perdidos, em seus sentidos, há muito esquecidos.
O sabor do mel, misturado com o fel.
A dor, entrelaçada com o amor.
Sonhos, pesadelos, duvidas e certezas, escondidas, presas.
A esperança que se tinha perdido, dentro de um coração já sofrido.
O toque de uma alma, que a sua, violentamente acalma.
Olhares que o fogo vem atear, palavras que o vem apagar.
O toque sereno, provocando um algo, nada ameno.
A paixão transformada, em desilusão.
Nos ares escrevendo uma canção, a realidade a colocando no chão.
Um odor e sabor, que não sabia exestir, vir algum dia a possuir.
Selvagem e doce, urgente, e paciente.
O que despertou em mim, k parece jamais ter fim.
Sem saber, alojava, um Dragão Adormecido, pelo tempo entorpecido.
Teu calor, lhe deu sentido, tendo seu fogo acendido.
Teimoso, e veloz troça de mim com ar atroz.
Sua vontade nao consegue saciar, me fazendo, uma outra vez sonhar.
Tento em vão o calar, nao querendo voltar a amar.
Explico que a razão, nao nos deixa pra frente caminhar.
Eis que me queima e sem logica, em seguir,ele teima.
Rebelde á minha vontade, nao querendo ver a verdade,
Segue em meu viver, fazendo meu ser sofrer.
Com o sal da face caindo, tento seu lume apagar.
Mas de nada serve reclamar.
Meu Dragão te continua a amar.
Mesmo sabendo, que sem ti vai ficar.
Na solidão despertar, sem sequer ter direito a reclamar.
Facil foi Acordar o dragão, dificil será, domar.
No secreto quarto da memória, o voltar a guardar.
A chave deitar fora, para nao mais o deixar, respirar.
Do mundo o esconder, e nao mais esperar tal ser.


Lvidal

 
Autor
luisavidal
 
Texto
Data
Leituras
1326
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/07/2011 15:40  Atualizado: 26/07/2011 15:40
 Re: Dragão adormecido
Adorei amiga tava me sentindop assim um dragão adormecido
só falta achar o meu são jorge


Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 26/07/2011 15:56  Atualizado: 26/07/2011 15:56
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 10240
 Re: Dragão adormecido
Boa tarde Luisa, sua personagem foi despertada para uma paixão, que mostrou-se inviável, mas seu coração não desiste, e não há quem faça ele esquecer desta pessoa, parabens pelo seu instigante poema, MJ.