https://www.poetris.com/
 
Letras de Música : 

A Minha Heroína

 
Tags:  amor    paixão    dor    desilusão    música    composição  
 

Há uma mulher nua no deserto
Ela estava vestida de dor
Lagartos rodeavam a nossa tenda
Os nossos sonhos de areia;
Podemos atravessar agora meu amigo
Aqueles olhos não oferecem mais perigo
Vamos acender uma fogueira à noite
Até deixarmos que a heroína surpreenda-nos
O futuro é algo que não nos pertence
Aquele homem bem que tentou nos alertar;

A estrada é longa e escura como a noite
Ela estava vestida como a morte
Eu estava com a alma angustiada
E jamais desistiria por você meu amigo;
A estrada é longa e sinuosa
Então nós iremos cortar os caminhos;
Estou sentindo o cheiro dela
Nas veias, ela vem me consumindo
Há um fogo nos meus olhos
Que queima como a serpente feminina;

O perigo ronda as nossas mentes agora
Eu não paro de pensar no meu amor
Ela me encoraja e me enfarta
Já não me sinto mais eu, em titubeios...
Não vamos separar-nos agora
Ela quer se divertir, apenas nos divertir
Olhe para mim agora
Guia-me para um destino desconhecido
A lua caiu negra do céu
Ela nos assassina com as suas investidas;

Eu vejo um circulo de fogo aproximando-se
Eu vejo o sol na boca de um cachorro negro
Eu acho que bebi demais, meu amigo
Eles passam por mim, mas não percebo;
Eu queria que tudo isso fosse ilusão
Eu só queria matar a minha sede no deserto do medo
Venha meu bem me aquecer com o doce do seu amor
Venha me aquecer com o doce do seu amor
Eu sinto a febre do veneno do desamor
Eu preciso me manter vivo;

Há uma voz que me chama ao longe
Ela está pedindo para me aproximar
Ela tem a voz de uma criança pedindo socorro
Ela trouxe água na palma das mãos
Ela continua me chamando
A febre continua aumentando;
O futuro é algo muito distante
Você ainda lembra-se daquele homem?

Eu acordei muito além do deserto
Eles invadiram a nossa tenda meu amigo
Onde está aquela mulher para me salvar
Ela estava vestida como a morte
Ela estava vestida de dor...

Venha meu bem me aquecer com o doce do seu amor
Eu preciso me manter vivo
Não vamos separar-nos agora
Ela quer se divertir, apenas nos divertir.










Marcelo Henrique Zacarelli

Produzido por Marcelo Henrique Zacarelli
Village, Agosto de 2011 no dia 12.

 
Autor
Marcelo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
852
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 19/09/2011 23:18  Atualizado: 19/09/2011 23:18
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 10240
 Re: A Minha Heroína
Boa noite Marcelo, seu personagem passou por um drama insuperável, mas logo se deu conta que tudo não passara de um pesadelo, parabens pelo seu contundente poema, MJ.

Enviado por Tópico
antóniocasado
Publicado: 20/09/2011 04:10  Atualizado: 20/09/2011 04:10
Colaborador
Usuário desde: 29/11/2009
Localidade:
Mensagens: 1657
 Re: A Minha Heroína
Ola
Uma historia feita poema, que revela sensibilidade e ternura doce, levando-nos a imaginar cenas românticas e dóceis.
antoniocasado


Queridos amigos e amigas :

Neste momento encontram-se dois livros da minha autoria à venda
CLAMOR DO VENTO - Editado pela WorlArtFriend, com o preço de 15 euros. Mais custos de envio
E
Amor imperfeito – Editado pela Editora Vieira da Silva, com o preço de 12 euros, mais custos de envio. Livro este que deverá sair dentro e 45 dias aproximadamente

Para que possa adquirir qualquer dos livros, ou os dois, devem enviar o nome e a morada para o email acasadinho@hotmail.com
Os livros serão enviados dias depois das indicações fornecidas.:
Nome e morada completa para o email indicado.
Para informações podem contactar o telemóvel 96 82 52 685
Ou o telefone fixo 265 41 33 30
António Casado
O autor