https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

Restolho

 
Tags:  passar dos anos  
 
Escasseia-me a vida!
Já se me negam os sinais vitais

Trago uma tristeza incompreendida
Os olhos baços de olhar em vão
Nas mãos, manchas de pigmentação
Traços, há muito que são rugas de expressão

E eu, já me conformo!
Já fui seara nova a despontar
Agora, tenho apenas por guarida
A palha seca para descansar
E um coração que, de hipertenso
Acelera o ritmo da batida, até um dia parar

Sou eira feita de restolhos
Mas, restam-me os sonhos
Patamar que ninguém me impede de alcançar


Maria Fernanda Reis Esteves
51 anos
natural: Setúbal
 
Autor
Nanda
Autor
 
Texto
Data
Leituras
883
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
14
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Transversal
Publicado: 21/09/2011 22:07  Atualizado: 21/09/2011 22:07
Colaborador
Usuário desde: 02/01/2011
Localidade: Fortaleza - Lisboa
Mensagens: 3687
 Re: Restolho
"Ninguém me impede de alcançar
os sonhos
(mesmo que me escasseie a vida)
Os olhos, (as) mãos, coração... traços
(com que me) conformo
os sonhos (esses são eternos)
(mesmo sendo) eira feita de restolhos.

Excelente o momento de leitura. Parabéns.

Abraço-te

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 21/09/2011 22:12  Atualizado: 21/09/2011 22:12
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: Restolho
Nanda querida,
Sei da tua Fortaleza,do teu talento...És uma vencedora!Abraço te!Varenka

Enviado por Tópico
simplesmente
Publicado: 21/09/2011 22:16  Atualizado: 21/09/2011 22:16
Da casa!
Usuário desde: 27/04/2010
Localidade: de,,, Évora,,,reside em Setubal
Mensagens: 237
 Re: Restolho
como tudo que a Nanda escreve ,,,lindo e cheio de verdade.

Enviado por Tópico
AnaMartins
Publicado: 21/09/2011 22:25  Atualizado: 21/09/2011 22:25
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2009
Localidade: Porto
Mensagens: 2221
 Re: Restolho
Querida Nanda, os sonhos são a nossa maior riqueza e força, e dão-nos vitalidade para combater qualquer hipertensão!

Beijinhos!

Enviado por Tópico
arfemo
Publicado: 21/09/2011 22:37  Atualizado: 21/09/2011 22:37
Colaborador
Usuário desde: 19/04/2009
Localidade:
Mensagens: 4812
 Re: Restolho
Olá Nanda,

...mede a ampulheta o que se sente? Estas reflexões atrelam-se a nós, que fazer? Poesia, sonhar, construir....eis tantas coisas que o seu poema me suscita e essa não é a sua menor virtude...

bjs
arlindo

Enviado por Tópico
Mariaa
Publicado: 21/09/2011 22:52  Atualizado: 21/09/2011 22:52
Colaborador
Usuário desde: 23/08/2009
Localidade: Braga
Mensagens: 2621
 Re: Restolho
O Senhora, com tamanha lucidez
vai ter uma vida com qualidade
e devorar o nu sonho com avidez
a mil à hora e em que felicidade!

Eu também caminho prós cinquenta
e estou fresca como uma Nandinha
e o puro amor nos anima e alenta
e a vida é VIDA e não vidinha!

BEIJOS E ABRAÇOS SIDERAIS DA AMIGA AO DISPOR,
Maria«*+*» «*+*»

Enviado por Tópico
GeMuniz
Publicado: 21/09/2011 22:54  Atualizado: 21/09/2011 22:54
Colaborador
Usuário desde: 11/08/2010
Localidade: Brasil
Mensagens: 7283
 Re: Restolho
Os sonhos são o mais importante... O sonho também muda com o tempo porque fica sempre mais perfeito, factível e jovem. Sonhe muito minha amiga Nanda, porque "periga" se realizar...rs

Um beijo.

Enviado por Tópico
belarose
Publicado: 21/09/2011 23:10  Atualizado: 21/09/2011 23:10
Colaborador
Usuário desde: 28/10/2010
Localidade:
Mensagens: 9026
 Re: Restolho
Querida amiga Nanda

É na esperança e nos sonhos que ancoramos nossa vida...linda poesia amiga

beijos

Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 22/09/2011 00:17  Atualizado: 22/09/2011 00:17
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12082
 Re: Restolho
O sonho não tem idade, não tem rugas nem morre com o tempo, assim também a poesia.

Beijinhos

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 22/09/2011 01:15  Atualizado: 22/09/2011 01:16
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: Restolho
Querida Amiga
Poetisa Nanda!

Um restolho que sempre renasce não importando a idade.
Linda e melancólica a tua poesia.
Bjinhos
Carol

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 22/09/2011 03:27  Atualizado: 22/09/2011 03:27
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: Restolho
O que procuro e encontro... eis sua poesia. Querida, obrigada. bjs imensos

Enviado por Tópico
cristhal
Publicado: 22/09/2011 06:05  Atualizado: 22/09/2011 06:05
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2009
Localidade:
Mensagens: 869
 Re: Restolho
"
Sou eira feita de restolhos
Mas, restam-me os sonhos
Patamar que ninguém me impede de alcançar"

Querida Nanda," Os sonhos são esperanças por alcançar... e enquanto os tivermos não há "restolhos" para ninguém.

Adorei o Excelente poema!

Parabéns.

Beijinhos.

Enviado por Tópico
celiacc
Publicado: 22/09/2011 10:02  Atualizado: 22/09/2011 10:02
Colaborador
Usuário desde: 27/12/2008
Localidade: Setúbal - Portugal
Mensagens: 2392
 Re: Restolho
Realmente só tu poderias escrever um poema como este, que eu considero uma "pequena"/"Grande" maravilha.

Parabéns, querida Nanda, cada vez escreves melhor.

beij.´
célia

Enviado por Tópico
MarisaSoveral
Publicado: 22/09/2011 19:12  Atualizado: 22/09/2011 19:12
Colaborador
Usuário desde: 16/08/2010
Localidade: Porto
Mensagens: 621
 Re: Restolho
Minha querida poeta, podia subscrever o teu poema completamente...é de facto no mundo dos sonhos que pulsamos e criamos!
Beijinhos,
Marisa