https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Poesia sem dúvidas - Lizaldo Vieira

 
Poesia sem dúvidas – Lizaldo Vieira
Pra que
Fazer de contas
Ter prazer em dificultar
Poesia pra ser boa
É preciso ser
Verdadeira
Entendida
Dialogar
De Iapoque
A Chuí
Brogodo
Ou Madagascar
É fato
Comunicar-se
Do poliglota
Ao sertão de Carira
Dar com a língua nos dentes
Ser viva
Ser gente
Entendida
Por politicamente correto
Ou intelectos repentistas
Passar a mensagem
Do tudo um pouco
No outro lado do mundo
Comunicar
Pra Francisco
E José
N a favela da maré
Na palafita do apicum
Falar pras lavadeiras do velho Chico
Da arte louca
Pantomima
Bispos do Rosário
É necessário
Ser vivida
Sentida
Grudada
Comida
Digerida
Aqui
Acolá
Na zona do agrião
No baixo meretrício
Ser grossa
Ousada
Atrevida
Gostosa
Intensa
Transparente
Verdadeira
Fazer acontecer
O que quer
O que postar
Sem pestanejar
Nem titubear
Nem precisa rimar
Simplesmente por rimar
Pois para os sirienses
Filosfar
Só em carirez


Q U E S E D A N E C U S T O d e V I D A - Lizaldo Vieira
Meu deus
Tá danado
É todo santo dia
O mesmo recado
La vem o noticiário
Com a
estória das bolsas
Do que sobe e desce no mercado
De Tóquio
Nasdaq
São paulo
É dólar que aume...

 
Autor
Lizaaldo
 
Texto
Data
Leituras
441
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.