https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Cicatriz

 
a ovelha criança
sonhou ser maestrina
acetinando
o incrédulo prado
com voz mansa
e brisa cristalina

silenciou-se a melodia
num espinho agudo
uivo saliente
que o vento latia
num tom perfurante

 
Autor
pAuLoGaLvAo
 
Texto
Data
Leituras
426
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 19/12/2011 21:45  Atualizado: 19/12/2011 21:45
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2181
 Re: Cicatriz
Quando passar o inverno, voltará a brisa, quiçá mais mansa e mais rica.
Belo poema, excelentes metáforas. Parabéns!


Enviado por Tópico
Maria Verde
Publicado: 19/12/2011 22:18  Atualizado: 19/12/2011 22:18
Colaborador
Usuário desde: 20/01/2008
Localidade: SP
Mensagens: 3544
 Re: Cicatriz
Estava lendo em off este poema e pensando nas imagens que o mesmo encerra. Uma delícia!
pueril e profundo. Infante e maduro. São confluências interessantes! Gostei muito.
abraço Paulo

MV