https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Jogo

 
Tags:  vida    sonho    realidade    jogo    real    promessa  
 
Saber dizer...
Degustar os momentos
Acalmar o enxame de sentimentos.
Alimentar o desejo real,
Torná-lo num momento fatal
Que no escuro te acompanha
Dá luta, e nem sempre ganha.
Dançando pelo sono,
À espera por um sonho,
Pequeno, irreal... medonho.
Estúpido jogo
Que se resguarda
Que num risco se torna
E a maldade entorna.
Serve a mesma verdade,
Fica o discurso proferido
Fica a tremenda saudade.
E o prometido? Só inveja, mediocridade.

 
Autor
Dinarte
Autor
 
Texto
Data
Leituras
470
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.