https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Para Sempre, Sem Limites

 
Sinto-me preso dentro de Ti...
Não preso, mas espalhado por todo o Teu ser.
Sinto-me a perfurar o Teu olhar como por osmose
E a navegar livremente na plenitude do Teu interior.
Sinto-me miraculosamente vivo
Porque me dás oxigénio e ma dás sangue e me dás Amor.
Sinto-me inteiro por ser Tu e por Tu seres Eu,
Por ambos colidirmos no mesmo fundo de Nós!
Sinto-me a viajar numa preciosa locomotiva de sentimentos
Embrulhados em doces e intermináveis elogios de paixão...
Sinto-me a ter-Te em mim incessantemente
E a amar-Te em loucura e vastidão!
Sinto-me amado nos Teus olhos cor de vida,
Nos Teus lábios sabor de mel, no Teu corpo belo e meu,
Porque Tu a mim Te deste e Eu a Ti me dei.
Sinto-me a perder o controlo por estar colado a Ti
E a deixar-me inundar pelo arrepiar doce da nossa pele...
Sinto-me com uma garra que só o Amor fornece
Para lutar sem interrupção,
Embora o fim para o qual luto seja Amar-Te em perdição!
Sinto-me Teu, apenas Teu, só Teu...
Sinto, sinto mais, infinitamente mais
E sei que ñão vou nunca parar de sentir!

Sinto o Teu toque, que é o meu amparo divino e me protege!
Tento retribuí-lo e sinto-Te consumido em mim!
Não percas de vista o Farol que tem toda a Luz para Te guiar,
Ele está aí, sempre aqui, para sempre em Ti.
Nem tempestades nem furacões o farão abandonar-Te,
Porque mais do que vitórias, mais do que vida e mais do que Tudo,
As minhas certezas se espraiam na Beleza do Amar-Te!

<br />Todo o que sinto por ti é eterno meu amor!
Este poema descrever nas minhas palavras, os meus/teus sentimentos...

 
Autor
PauloQueiros
 
Texto
Data
Leituras
1127
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
PedroLopes
Publicado: 20/11/2006 12:25  Atualizado: 20/11/2006 12:25
Colaborador
Usuário desde: 02/11/2006
Localidade: Montargil-Ponte de Sor
Mensagens: 703
 Re: Para Sempre, Sem Limites
Bem temos alguém novo e apaixonado.
Queria desejar-te as boas vindas ao clube dos poetas vivos...
Aparece sempre e aproveita para postar para nós.

Um abraço

Enviado por Tópico
Junior A.
Publicado: 20/11/2006 13:06  Atualizado: 20/11/2006 13:06
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2006
Localidade: Mg
Mensagens: 894
 Re: Para Sempre, Sem Limites
Gosto de textos assim. Falas de um sentimento graúdo. Há tanta euforia em teu texto que me imagino a escrever tal poema. Transcreve um coração em ebulição de sentidos. Muitos chamam tal dom de amor, mas eu prefiro acreditar que existe algo a mais. Leva em seu sobrenome: Felicidade. Carece de algumas correcções, alguns por menores mediante tal beleza.

Mui bueno poeta, prossiga, há muito a se descobrir.