https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Tão Longe Do ... Avatar ...

 
 
Open in new window
- * -


Sinto

que quase

sou poeta

para ganhar

tão singelo troféu

basta-me

o perdão

e não mais escrever

verso algum

mas ...

Ser quase

é igual a ser o pior

do que é possível ser




Jorge Manuel (Luiz Sommerville Junior) , 280720120227
 
Autor
sommerville
 
Texto
Data
Leituras
961
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
20 pontos
4
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/07/2012 11:48  Atualizado: 28/07/2012 11:48
 Re: Tão Longe Do ... Avatar ...
Quase... Faz-me lembrar um poema que adoro. Tanto diz para ficar num impasse. Faltava um golpe de asa!
Não se aplica á tua poesia. Podes desvincular o Luís do Jorge mas o poeta une ambos num abraço siamês.

Beijo azul


Enviado por Tópico
belarose
Publicado: 29/07/2012 01:11  Atualizado: 29/07/2012 01:11
Colaborador
Usuário desde: 28/10/2010
Localidade:
Mensagens: 9026
 Re: Tão Longe Do ... Avatar ...
Boa noite Jorge!

Esta maravilhosa sua poesia,parabéns amigo!

Abraço!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 31/07/2012 16:38  Atualizado: 31/07/2012 16:38
 Re: Tão Longe Do ... Avatar ...
Um bonito poema poeta que pode ser tirado mil conclusões devido à sua complexidade.
Se é quase poeta e não o chega a ser é sinal que o amor está à espreita:

"basta-me

o perdão

e não mais escrever

verso algum"

Tá um must a sua pequena/grande mensagem.

Abraços
Luzia