https://www.poetris.com/
 
Textos -> Tristeza : 

E, que culpa tens disso???

 
 
Que culpa tens disso???



Open in new window















Ricky,

Versejar com a lua e Plutão...
É, sinônimo de intensa inspiração,
...
Se me permite poeta a minha interação:
Ray Nascimento





Open in new window




















Alvorada!!!


Oh, alvorada plenitude com aurora boreaou...
Infinda é a saudade que me traz,
Pois, hoje meu amor não vive mais...
E, que culpa disto tens???



Open in new window

















Amor incondicional !!!


Oh, amor incondicional
Que adentrou minha vida
E, me fez viver o mais
Puro e verdadeiro sentimento,
E, hoje jaz no mais gélido olhar...
E, que culpa disto tens???





Open in new window



















Saudade !!!

Oh, Saudade que me invade
Agora nesta hora!!!
Em meu coração que jaz em uma redoma fria...
Por ter te perdido um dia...
E, que culpa tens disto???


Open in new window




















Morte !!!

Oh, morte dolorosa
Que meu coração triturou...
Me deixando a alma arrancada...
E, o corpo dilacerado...
Por ter levado o meu grande amor...
O amor imensuravelmente doado...
a mesma dimensão do amor...
Foi a mesma dimensão da dor...
Porque meu amor levaste...
Fazendo somente a tua parte...
que a vida transitória...
Ternina em ti (morte)
E, que culpa tens disto???



Open in new window





















Fado!!!


Oh, fado fatigante que foi inevitável...
Que são os escombros...
Que caíram sobre os meus ombros...
Devido a depressão que assolou o coração,
De quem em vida só me deu amor.
E, que culpa tens disto???



Open in new window




















Destino!!!


Oh, destino!!!
Que me faz caminhar sem prumo...
Sem rumo...
E, o que de melhor tenho...
É, contar nossa história...
No universo dos meus versos...
Em forma de poesia...
E, que culta tens disto???



Open in new window



















Culpa!!!

Oh, culpa???
Que culpas tens de minh'alma
Sangrar e o coração não mais
Sentir vontade de caminhar???
Pois, "a dor é inevitável...
Mais, o sofrimento é opcional???"
(Carlos Drumont de Andrade)
Que culpa tens disto???

Infinita é a dor da perda do meu
único e verdadeiro amor
o luto a vida assolou!!!.

Ray Nasciemnto




Open in new window


Do fundo do meu ser; amo te ler; tua amizade e seu amor sincero são refrigero pra minha alma.Te amo Amiga do seu AMIGOMENINO!
Open in new window
Adriel

Open in new window






 
Autor
RayNascimento
 
Texto
Data
Leituras
1119
Favoritos
4
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
49 pontos
11
3
4
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 09/09/2012 18:55  Atualizado: 09/09/2012 18:55
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15994
 Re: E, QUE CULPA TENS DISTO???
Boa Tarde, amiga Poetisa!

Lindíssimo seu poema! Gostei bastante!

Parabéns!

Bjos!


Enviado por Tópico
Chinezzinha
Publicado: 09/09/2012 20:58  Atualizado: 09/09/2012 20:58
Super Participativo
Usuário desde: 07/08/2007
Localidade:
Mensagens: 181
 Re: E, QUE CULPA TENS DISTO???
Ray,
que dizer.
simplesmente original e belo o teu poema.
bjs
:)
Ana



Enviado por Tópico
FalcãoSR
Publicado: 09/09/2012 22:32  Atualizado: 09/09/2012 22:32
Colaborador
Usuário desde: 30/06/2006
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 2785
 Re: E, QUE CULPA TENS DISTO???
Ray,


Sua capacidade criativa é por demais emocionante!


Parabéns!



Beijo


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 20/04/2013 13:44  Atualizado: 20/04/2013 13:44
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12449
 Re: E, QUE CULPA TENS DISTO???
Parabéns e é bonito.
Mas posso jurar que eu não tive culpa nenhuma, foi só sua, simplesmente. E não fique de luto, já passou de moda. Estou a brincar,tá! Um abraço. Vólena


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/01/2015 01:22  Atualizado: 23/01/2015 01:22
 Re: E, QUE CULPA TENS DISTO???
Somos todos culpados e inocentes, dentro de perguntas que jamais irão ter respostas cabíveis.
Curtir demais descobrir mais essa poesia sua Anjinha,me fez e me faz pensar aqui com meus botões,as maloqueiras que é essa coisa iludida que a gente chama de vida.

Bjs e bjs e bjs e sempre OBRIGADOOOOOOOOOOOO por abraçar esse meu coração torto,doro ocê viu?