https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...

 
escreva nos lábios a palavra não dita
tal lâmina em brasa num céu tranquilo

sê o vento que corta os ossos
empurre o mar... distraidamente deguste minha solidão

divague um sorriso em meu rosto
preciso de algo seu, que me faça companhia
seu temperamento preenchendo a sala
qual armadilha para se perder o rumo
... a deixar a vida passar como um feriado

tanto faz, se tudo que existe
não é muito mais que teu reflexo me olhando de volta
e um biscoito amanteigado na mesa

tanto faz, se as estrelas saíram do céu...

sou uma casa de muitos quartos
com todas (nossas) lembranças se reunindo nesse poema

só não me roubes esse momento... derretendo em meu peito
como uma palavra que caminha para dentro do papel...
abra os braços então, em misericórdia.



Vania Lopez


Devo confessar que sou o contrário, meus passos seguem em contrário.
Sou uma pessoa inquieta, vou onde meu vento me leva. Artista Plástica e escritora, as vezes sem saber se pintoraqueescreve ou escritoraquepinta...
Procuro por algo, mas a intenção n...

 
Autor
Vania Lopez
 
Texto
Data
Leituras
1400
Favoritos
4
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
47 pontos
15
0
4
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ritadd
Publicado: 15/01/2013 06:54  Atualizado: 15/01/2013 06:54
Participativo
Usuário desde: 15/01/2013
Localidade:
Mensagens: 27
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
um belo rabisco


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/01/2013 07:51  Atualizado: 15/01/2013 07:51
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
Vânia, gostei logo da primeira estrofe: "escreva nos lábios a palavra não dita
tal lâmina em brasa num céu tranquilo", e: "sou uma casa de muitos quartos". Sempre gratificante ler-te. Parabéns lusos.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/01/2013 10:32  Atualizado: 15/01/2013 10:32
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
se gosto do conjunto? naturalmente.

mas destaco a Alma e a escrita, a escrita d'Alma, a Alma na escrita...

só não me roubes esse momento... derretendo em meu peito
como uma palavra que caminha para dentro do papel...
abra os braços então, em misericórdia.

bjs e levo


Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 15/01/2013 13:34  Atualizado: 15/01/2013 13:34
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9285
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
Bom dia Vânia, sua personagem aprendeu a se desfazer quando conveniente, e a se refazer quando necessário, Parabéns pelo seu instigante poema, um grande abraço, MJ.


Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 15/01/2013 15:26  Atualizado: 15/01/2013 15:26
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
Que as palavras nunca deixem de caminhar para dentro do teu papel, dando vida à poesia que te corre na alma para que possas construir mais momentos como este, Vânia.

Beijo


Enviado por Tópico
Felisbela
Publicado: 15/01/2013 22:01  Atualizado: 15/01/2013 22:01
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2011
Localidade:
Mensagens: 2207
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
Querida Vania...

"tanto faz se as estrelas saíram do céu...", desde que a sua escrita não saia do Luso...

AMEI ler...vou guardar com carinho!

Um enorme beijinho

Felisbela

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 16/01/2013 19:54  Atualizado: 16/01/2013 19:54
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
Aqui estou eu, minha querida
na fila dos teus admiradores para te dizer
o quanto me é grato ler-te.
aveludas as palavras ou será que as coloras?
Beijinho, meu amor Vf

Enviado por Tópico
quidam
Publicado: 17/01/2013 21:13  Atualizado: 17/01/2013 21:13
Colaborador
Usuário desde: 29/12/2006
Localidade: PORTIMÃO
Mensagens: 1438
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
quando leio algo assim fico sempre na duvida do que comentar... o que dizer perante um texto onde tudo se diz... resta-me elogiar.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/01/2013 12:16  Atualizado: 18/01/2013 12:16
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
Sempre gosto de vir aqui te ler, poetisa.

Tua escrita é singular e especial...

"só não me roubes esse momento... derretendo em meu peito
como uma palavra que caminha para dentro do papel...
abra os braços então, em misericórdia."

Muito bom!

Um abraço

Enviado por Tópico
RaipoetaLonato2010
Publicado: 23/01/2013 02:44  Atualizado: 23/01/2013 02:44
Colaborador
Usuário desde: 13/03/2010
Localidade: Paulínia-SP
Mensagens: 2668
 Re: vou rabiscando na alma o que a chuva escreve na pele...
'divague um sorriso em meu rosto
preciso de algo seu, que me faça companhia
seu temperamento preenchendo a sala
qual armadilha para se perder o rumo
... a deixar a vida passar como um feriado'

É impressionante como alguns poetas conseguem penetrar a nossa alma com versos tão acesos,e cortantes, como as facas dos deuses cheios de ira e domados pelo amor.