https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

levei-lhe umas sandálias

 
Tags:  criança    pobreza    abandono  
 
vi uma criança à beira da estrada
pareceu-me abandonada
e pelo frio amargurada

quis roubar alguns nuvens
para lhe fazer uma casa de pedra
e fui com ela de viagem
até à próxima primavera

abri uma porta para o céu
para no azul voar com os pássaros
cortar o vento em direcão ao mar
os campos e montanhas admirar
afinal toda a criança é um guerreiro
que sabe montar um cavalo alado

deixei também uma janela aberta
no sentido do caminho das estrelas
para à noite passear com elas
entre tempestades de prata
no fascínio do som dos sonhos
a verterem de dois olhos risonhos

ah… quase não me lembrava!
levei-lhe umas sandálias...


Jorge Oliveira

VISITE E COMENTE O MEU BLOG

Mais poemas em:


http://afacedossentidos.blogspot.com/

 
Autor
quidam
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1051
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
7
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 23/01/2013 16:20  Atualizado: 23/01/2013 16:20
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9285
 Re: levei-lhe umas sandálias
Boa tarde Quidam, seus versos narram a vulnerabilidade da vida humana, aliada aos sonhos inatingíveis que circundam mo nosso existir.
Parabéns pelo seu instigante poema, um grande abraço, MJ.

Enviado por Tópico
FatimaOliveira
Publicado: 23/01/2013 19:59  Atualizado: 23/01/2013 19:59
Super Participativo
Usuário desde: 01/01/2013
Localidade: Salvador - Bahia
Mensagens: 158
 Re: levei-lhe umas sandálias
Amigo Quidam, lindo poema, lúdico. Todos nós somos crianças quando estamos vulneráveis. Achei tão bonitinho: "levei-lhe umas sandálias..." - essa tua características é cativante.
Abração,
Fátima Oliveira.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 23/01/2013 22:43  Atualizado: 23/01/2013 22:44
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: levei-lhe umas sandálias
Me fascina quando escreves mostrando o lado bom de ser criança.Beijos.

Enviado por Tópico
GabrielaSal
Publicado: 23/01/2013 23:35  Atualizado: 23/01/2013 23:35
Colaborador
Usuário desde: 19/01/2013
Localidade:
Mensagens: 793
 Re: levei-lhe umas sandálias
uma poesia cheia do encanto de mesmo
sendo adulto, ser criança
Gostei muito!

.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
(¸.•´ (¸.•`*´ Gabi

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 24/01/2013 19:52  Atualizado: 24/01/2013 19:52
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: levei-lhe umas sandálias
Não adianta usar e abusar dos
adjetivos quando te comento.
Gosto do que escreves, e pronto!
Porque sim... rs
Nãoé por acaso que te tenho como
um dos poetas prediletos, neste site.
Ficam os cumprimentos.Não sei se ainda
te lembras de mim...pois é velhice mudou-me. rs vf

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 25/01/2013 21:44  Atualizado: 25/01/2013 21:44
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16139
 Re: levei-lhe umas sandálias
Amigo e Poeta Jorge
Lindas e doces palavras! Belíssimo poema!
Como é bom alimentar a criança dentro de nós!
Parabéns!

deixe também uma janela aberta
no sentido do caminho das estrelas
para à noite passear com elas


Deixo sim! Rsrsrs
Beijos!
Janna

Open in new window

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 05/02/2013 10:13  Atualizado: 05/02/2013 10:13
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29264
 Re: levei-lhe umas sandálias
Por mais que seja a idade temos um pouco de crinça dentro de nós, maravilha