Poemas : 

Ficando para trás

 
Ficando para trás
 


Ficando para trás


Um estado decadente
Nos indicadores sociais,
Uma população carente,
Que geme chora e sente
Em desespero clama por paz.

Um governo que mente,
Prometendo o que não faz,
A violência crescente,
O pavor amedronta a todos,
Homens piores que animais.

Forte arsenal de guerra
Armando marginais,
Uma guerrilha de delinquentes,
Que fere, mata, e sangra,
Com requintes cruéis de canibais.

Foi o governo da extrema direita,
Com fantasias tentou burlar a paz,
Segurança, saúde e os direitos da criança,
Educação, habitação e cidadania,
Tudo negado! A verdade, ficou para trás.


poema de Elias Barbozza



Elias da Silva Barbozza


 
Autor
Barbozza
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1053
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
3
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/12/2013 00:50  Atualizado: 28/12/2013 00:50
 Re: Ficando para traz
Os nossos Estados não fazem o seu papel para algo melhorar. Uma educação falida. Governos corruptos, segurança, zero. A saude uma catastrofe. Gataram bilhões para fazer os estadios para a copa do mundo, para isso tem dinheiro

Enviado por Tópico
Maribel
Publicado: 18/02/2024 21:21  Atualizado: 18/02/2024 21:45
Da casa!
Usuário desde: 21/08/2010
Localidade: Venho do mar
Mensagens: 364
 Re: Ficando para traz
Caro poeta Elias, a política é um assunto inesgotável, pois, nos faz refletir as desigualdades, a injustiça social, a inversão de valores, a corrupção e tantos assuntos que nos indignam.
Não podemos permitir que fiquem para *trás* o que é de extrema importância.
Saudações poéticas!
Maribel.