https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

o relevo branco de teus traços

 
Tags:  saudade    ausência    partida  
 
o relevo branco de teus traços
 
partiste sem um adeus
de despedida

não é o amor que dói
é a tua ausência

separa-nos um oceano
um outro lugar distante
[a impedir
o toque de nossos corpos]

que paisagem te envolve
que silêncios escutas
que olhares contemplas
que amores procuras?...

...que e mais que seria...

não são as palavras
que descrevem a falta
da tua presença em mim
és tu
e tu não és definição

como não posso exprimir
este tão profundo sentir
imprimo nesta folha preta
o relevo branco de teus traços


Jorge Oliveira

VISITE E COMENTE O MEU BLOG

Mais poemas em:


http://afacedossentidos.blogspot.com/

 
Autor
quidam
Autor
 
Texto
Data
Leituras
942
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
25 pontos
17
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 15/03/2014 17:26  Atualizado: 15/03/2014 17:26
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16187
 Re: o relevo branco de teus traços
Parabéns Jorge!
Poema belíssimo! Palavras fortes!
Encantada fiquei! Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 15/03/2014 19:07  Atualizado: 15/03/2014 19:07
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: o relevo branco de teus traços
Hoje dia dos poetas, do outro lado do oceano,ficou o teu um corpo oculto.Parabéns!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/03/2014 20:13  Atualizado: 15/03/2014 20:13
 Re: o relevo branco de teus traços
...o que dói não é a distância (talvez), mas a falta de alguém a quem tanto desejamos...

Bonito demais!!!

Beijos,

Anggela


Enviado por Tópico
Maryjun
Publicado: 15/03/2014 20:41  Atualizado: 15/03/2014 20:41
Membro de honra
Usuário desde: 30/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 6594
 Re: o relevo branco de teus traços
Olá Quidam!

Como sempre nos
encantando com seus
textos nobres.
Que coisa mais linda...
Babei!!Rs.

"não é o amor que dói
é a tua ausência"

Abraços,

Mary Jun


Enviado por Tópico
Manufernandes
Publicado: 16/03/2014 00:05  Atualizado: 16/03/2014 00:05
Subscritor
Usuário desde: 09/12/2013
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3860
 Re: o relevo branco de teus traços
este poema tem a força do verão algarvio...
Muito bom
manu


Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 16/03/2014 04:36  Atualizado: 16/03/2014 04:36
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: o relevo branco de teus traços
eu mesma já sei que sou infiel ao próximo poema...
acontece agora.
só não vou dizer que esse é o que mais gosto
para ter privacidade em minha infidelidade.

vive tanto uma ausência aguçada
e, só a pálida cor das lembranças
crava o tom que não esmorece na pele
...e sequer um pincel pode descrever.
assim senti. se ao menos soubesse comentar como mereces...
bjs


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/03/2014 11:24  Atualizado: 16/03/2014 11:24
 Re: o relevo branco de teus traços
e ficou muito bem imprimido, como os dentes do desejo em alva saudade. parabéns.


Enviado por Tópico
RayNascimento
Publicado: 16/03/2014 18:11  Atualizado: 17/03/2014 14:18
Membro de honra
Usuário desde: 13/03/2012
Localidade: Monte Roraima - Brasil
Mensagens: 6401
 Re: o relevo branco de teus traços
Quidam,
A saudade dói...
A saudade é a essência
De uma eterna presença
No mural do tempo,
No parapeito do teu peito.
Ray Nascimento
Open in new window

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 17/03/2014 03:45  Atualizado: 17/03/2014 03:45
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9304
 Re: o relevo branco de teus traços
Boa noite Jorge, quando nos viciamos em alguém,e este ser por rasões alheias as nossas vontades se afasta do nosso convívio, temos um tremendo desalento a ser equacionado, parabéns pelo contundente poema, um forte abraço,MJ.

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 17/03/2014 20:54  Atualizado: 17/03/2014 20:54
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6797
 Re: o relevo branco de teus traços
O relevo da ausência se exprimi profundamente nessa paisagem que envolve dois seres, lindo poema