https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Aurora

 
Aurora
Rasga
A camisa.
A pele riscada
Pela tez lisa
Do Sol
Maduro.

Da vinha
Brota
Um lábio
De vinho
Argonauta.

Da planície
Vela
A Caravela
Alada
Da terra
Sulcada
Por mil eternos homens.


Marco Mendes

 
Autor
Marco061984
 
Texto
Data
Leituras
428
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.