https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Derrama de Fadas

 
Tags:  amor    fantasia    separação    nascimento    adimiração  
 
Derrama de Fadas
 
Giram mil Girassóis.
Ao pé do Dragoeiro.
Em beira-rio.
Para lá do morro,
Ao alto da colina,
A fim de vê-la.

A passada da frota.
O flutuar das flores,
Que levam o corpo,
Em brisa, em saudades.

Morre aqui o Sol.
E acaba-se o calor,
Fim do dia.
Azul espaço.

É noite,
Para renascimento.
E todos olham o céu.
Bem lá, solitária e bela,
Ela brilha, a Lua.

 
Autor
Milatuanne
 
Texto
Data
Leituras
803
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
fernandamoreira
Publicado: 24/06/2014 16:15  Atualizado: 24/06/2014 16:15
Colaborador
Usuário desde: 13/01/2014
Localidade: Sao Paulo
Mensagens: 2450
 Re: Derrame de Fadas
Que magnifico teu poema poetisa parabéns
gostei de passar por aqui
bjss
Nanda