https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Acordar

 
Tags:  sonho    olhos    força    despertar  
 
Acordar
 
Hoje cedo trilhei o caminho do despertar.

Retornei ao meu corpo, minha alma repousou como uma pena sobre a tabua.

Alisei o linho, inspirei o doce amanhecer e que doce amanhecer era...

A claridade do dia tinha gosto de início, mas no entanto escolho permanecer seguindo.

Meus ossos doem e pareço um Deus em meu próprio mundo, sofrendo de mim mesmo.

Abro os olhos, e o que vejo? Vejo.
Levanto meus braços e são pontes.

Decido levantar e quão gigante sou.

Decido andar, a alternativa de seguir em frente, nunca retornar.

Mas então olho para trás, apenas sobre o ombro, e vejo minha cama, observo o desalinhado amassado das cobertas, o feixe de luz que incide ali, bem no meio do que fiz, e até mesmo dormindo marco o mundo tão acordada quanto estou.

 
Autor
Milatuanne
 
Texto
Data
Leituras
723
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
0
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.