https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Ó Mãe

 
Ó MÃE.

Ó Mãe,
tu sabes sempre bem de mim,
podem outros não,
mas, chegado a esta ocasião,
há um dia para ser lembrado;
dizem que é o Dia da Mãe;
o teu, porém, fico preocupado
se nos outros; todos os dias,
de ti não me sou lembrado,
mas tu sabes, ó minha mãe,
bem de mim, e que,
a qualquer momento,
em qualquer dia,
em qualquer ensejo
te mando um beijo!
principalmente em Maio,
mês do teu nascimento,
mês das cerejas,
que tu gostavas,
eu também.

Quando como cerejas,
parece-me que ainda me beijas.

Um beijo, mãe,
no teu dia, e sempre mais além.
Assina: Tu sabes quem


Figas

 
Autor
Figas
Autor
 
Texto
Data
Leituras
216
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.