https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

ADEUS SEM MAIS

 
 
E você se foi,
sem pedir licença.
Meu coração ainda dói,
sinto-me abandonada como uma criança.

Você era meu grande amigo,
mais do que um irmão.
Gostava de estar contigo,
te tinha em alta consideração.

Vivíamos distantes,
cada um com sua história.
Em caminhos errantes,
presente sempre em minha memória.

Um homem menino,
com sorriso vasto.
Um doce felino,
nada casto.

Uma pessoa de grande luz,
destas que a vida coloca em teu caminho.
Com sua doçura as amizades conduz,
resumindo sempre seu eterno carinho.

Hoje não te temos mais,
siga teu caminho em paz...
Leve de todos os que deixou,
a suavidade de sentimentos dos que amou...


Vera Dal Sasso

 
Autor
Verucaragua
 
Texto
Data
Leituras
440
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.