https://www.poetris.com/
Poemas -> Solidão : 

VARIAÇÃO

 
Tags:  poema  
 
VARIAÇÃO
 
VARIAÇÃO
(Jairo Nunes Bezerra)

Minha alegria inconsequente com a tristeza,
Deveras não sei o que acontece...
Povoa-se o meu espaço de incerteza,
Nada disso me apetece!

Quero aproximar-me de região diferente,
Em que a luxúria venha a reinar...
Meus desejos seguem em frente,
Seguindo-me segue o luar!

Noto... Os meus passos são mais ligeiros,
Como fossem em alto mar um veleiro,
Seguindo sem orientação!

Mas a velocidade das águas azuladas,
Sob a minha vista freadas,
São penalizadas pela minha maior atenção!



 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
135
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.