https://www.poetris.com/
Poemas -> Tristeza : 

O PASSADO SEMPRE PRESENTE

 
Tags:  poema  
 
O PASSADO SEMPRE PRESENTE
 
O PASSADO SEMPRE PRESENTE
(Jairo Nunes Bezerra)

Vivencio as lembranças do recente passado,
Em que tu figuravas como única estrela...
Fora violenta chuva me deixa desolado,
E na solidão, aqui, sinto-te minha princesa!

O meu coração saltita a cada abertura de porta,
E decepcionado não ouço de antes os teus passos...
E nem sequer recebo reposta,
Ante as minhas pertinentes solicitações de afagos!

O que fazer? Se distantes persistes noutro espaço,
E de tua presença (ignorada ), desavisado,
Vou vivendo ao léu!

Mais nuvens enegrecidas se unem no firmamento,
O meu sofrer pertinaz não mais aguento!
E o meu único visual é o sombreado azulado céu!


 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
131
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.