https://www.poetris.com/
Poemas -> Desilusão : 

Mangueiras

 
Tags:  rimas    passado    Juvenis    recordações  
 
Mangueiras
 
No condomínio está quem um dia amei
Está lá quem um dia fiquei alucinado
Não me lembro mais de quantas vezes me declarei
Todos ao meu redor sabiam como eu estava apaixonado
Muitas vezes eu provei a ela, me esforcei
Antes que eu me desse conta,
Ela me seduziu feito uma onda
Acabei me tornando um escravo daquela dama
Ela me induziu, e meu amor guiou-me como um rio
Eu estava satisfeito, sonhando com um casal perfeito
E me sentia um forasteiro,
Pois só eu sonhava com os lábios dela, seu beijo
O que eu sentia era de outro mundo,
Era muito confuso.

Naquela época eu faria de tudo por ela
Nada valia mais do que o sorriso dela
Naqueles anos eu me vi dependente,
Impaciente para ver uma garota sorridente
Dei importância a felicidade daquela criatura
O que eu sentia não caberia em uma caricatura
Eu estava sendo dominado por algo sobrenatural
Naquele tempo eu estava com um sentimento real
Mas a situação em que me encontrava era desigual
E para ela, tudo estava perfeitamente normal.

O tempo fez seu trabalho, e passou
E aqui estou, no ônibus sem trocador
Sentado perto dela, em outro banco
Sem crer que amava ela tanto
E hoje me sinto como um marciano,
Inapto a entender os sentimentos humanos
Tudo que vejo agora são memórias
Sinto-me como se ela fosse um piano sem cordas
De tão tocado, perdeu seu lindo charme
Não escondo o coração que já se partiu
Mas o ontem fora um passado, que já se despediu
Não sou dotado de falta daquela história.

Eu não me arrependo do que senti
Não esconderei jamais o que vivi
Já me apaixonei, já me enganei
Mas quem nunca amou, jamais irá me entender
Quem se engana,
Dirá que tudo escrito aqui fora um drama
Mas essa história faz parte de mim
E foi assim.

 
Autor
AteopPensador
 
Texto
Data
Leituras
162
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.