https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

Sou Um Lixo

 
Tags:  amor    solidão    tristeza    morte    rimas    sombrios  
 
Sou Um Lixo
 
Eu nunca quis te fazer chorar
Eu nunca pensei que seria capaz de te machucar
Aquele meu mundo se desabou
Aquele mundo que nós dois juntos criamos, acabou
Me desculpe, meu amor, me desculpe
Escrevo triste, estou infeliz
Você é tudo para mim, e eu te feri
Minhas palavras estão procurando abrigo
Minhas lágrimas parecem espinhos
Meu amor, não vá para longe, fique comigo
Por quê, Deus, eu fui fazer isso?
Fiz o que pensava ser impossível,
E, hoje estou a um centímetro do precipício.

Em versos flagelados eu te peço,
Me perdoe, eu estava perdido em um deserto
As estrelas me guiaram para um destino incerto
E, acabei te expulsando, sinto muito
Por favor, acredite quando eu digo,
Que o meu amor é mútuo
Você é quem me segurava, para eu não cair no escuro
Agora não sei o que fazer,
Estou começando a desistir de tudo
Amor, volte a morar no meu coração, eu juro,
Que jamais serei um importuno
Estou me sentindo cada vez mais sujo, imundo
Meu sangue está coagulando,
Meu amor, desculpe as ações desse estrume.

Eu estou escrevendo seu nome em tantas folhas,
Que, acabarei usando elas para fazer uma forca
Estou perdendo as forças, volte, me ouça
O meu coração bate sem música,
Vivo em total tortura, amarga, dura
Queria você aqui, perto, queria te sentir
Pois, o que sinto é o odor do extermínio
Já fui convidado para morar em um lugar sombrio,
E, começo a indagar se,
Não seria melhor acabar logo com isso
Quero acabar com a dor, quero enterrar meus vacilos.

Minha querida, logo eu estarei irreconhecível
Não se assuste se me encontrar destruído
Os meus erros irão me devorar,
E, esquecerei o sentimento de como é te beijar.

Não fale para os seus amigos que fui um fraco
Não diga para a sua família que era um viciado
Minhas loucuras me tornaram uma criatura noturna,
Inapta, insegura, frágil
Eu me agarrei ao seu amor, e não soube lidar,
E isso sempre será um eterno fato
Agradeço o tempo que passei com você,
E, mesmo que reste apenas lágrimas quando eu me for,
Nunca irei te esquecer, me perdoe, meu amor
Você estava prestes a me tornar o humano,
Que meu coração sempre sonhou.

 
Autor
AteopPensador
 
Texto
Data
Leituras
1058
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.