https://www.poetris.com/
Mensagens -> Desabafo : 

SOLIDÃO PROLONGADA

 
Tags:  poema  
 
SOLIDÃO PROLONGADA
 
SOLIDÃO PROLONGADA
(Jairo Nunes Bezerra)

Distanciado de meus constantes desejos,
Sinto a solidão reinando.
Foram-se os meus habituais anseios.
À falta de teus afagos vibrando!

Excêntrica, metamorfosear-te em rosa,
Do meu jardim és ativo destaque figurante...
O que vou fazer agora?
De tua proximidade virei eterno andante!

O atual frio invernal mais se pronuncia,
Foi-se às pressas o calor que o sol me infligia,
E perdura à minha volta eterna tristeza!

Sei... Tudo isso será (creio) passageiro,
Pode até durar o mês inteiro,
De teu regresso, porém prevalece certeza!

[/center][/color]

 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
76
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.