https://www.poetris.com/
Poemas : 

Lucas e Macedo

 
Tags:  poema    poesia    poeta    verso    Tiago malta    cantinho  
 
Lucas e Macedo
 
Lucas é o meu Macedo
Mais cedo ou mais tarde
Ele vai brilhar no mundo
Mas esse papo de macaco
Não é tão fácil de entender.

Talvez pessoas feitas de papel e açúcar entendam.
Talvez velhos guerreiros que lutam pela sua paz entendam.
Talvez belas mulheres de cabelos roxos adornadas de caveiras entendam.
Talvez pessoas que levantam ou dormem tarde entendam.

Mas o fato simples inexorado desse poema escrito por um pobre e velho pai na beirola dos 40 é que:
O Lucas é meu macedo.
E mesmo quando ele tiver de bater asas,
Igual ao Nikko indo para longe da Bruxa Malvada do Oeste,
Ele vai estar aqui, dentro de mim.


Vamos Unir nossos Poderes

Rio de Janeiro, 09 de maio de 2019.
 
Autor
OTiagoM
Autor
 
Texto
Data
Leituras
63
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.