https://www.poetris.com/
Textos : 

DEVEDOR DO SACRO-SANTO

 

Padecemos dos descasos abundantes
Que certamente nos distraem do correto
Quando a vida nos parece um incesto.

Nossas carnes se avolumam dos desejos
O nosso ser é um devedor do sacro santo
Procedemos muito no breu das incertezas.

Nosso esqueleto não resgata nossos delitos.

Mas o espírito se encarrega em dissipá-los.


Enviado por Miguel Jacó em 03/08/2019
Código do texto: T6711666
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Miguel Jacó

 
Autor
Migueljaco
 
Texto
Data
Leituras
140
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Maryjun
Publicado: 04/08/2019 21:29  Atualizado: 04/08/2019 21:29
Membro de honra
Usuário desde: 30/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 6564
 Re: DEVEDOR DO SACRO-SANTO
Boa noite, Miguel

O ser humano é tendencioso a entrar na casa. Devemos vigiar sempre. Parabéns!

Um abraço,
Mary Jun