https://www.poetris.com/
Poemas -> Solidão : 

Aprenda a vencer os seus medos

 
O pesadelo da noite anterior ainda me perturba
E de meus olhos vermelhos não consigo fugir
O medo da solidão que dilacera o coração
Ainda pulsa em minhas veias o sangue.
Sou a nuvem levada pelo vento
Sem forças para reagir
Sem saber a direção certa do horizonte
Tão distante e irreal aos meus olhos.
Eu até tento esboçar um grito
Que não ouço nem mesmo o eco
Uma lágrima que escorre do rosto
Apaga a maquiagem da noite anterior.
Não chore meu menino, diz uma voz
Como se eu fosse o causador de todo esse mal
O tormento de uma vida vazia
Que pensa ser a solidão o melhor caminho a seguir.
Quem disse que homem não chora
Só poderia não ter passado por essa dor
Que esmaga a alma no mais recôndito
Do vazio existencial de uma vida.
Não vou ficar lamentando o que passou
Nem deixar transparecer a minha fúria
Aprendi a vencer os meus medos
E recomendo você a fazer o mesmo.
De que adianta seguir uma estrada cercada de flores
Se os espinhos insistem em furar os seus pés?
Escale as montanhas sem receio
E veja o sol que brilha do outro lado.
Calo-me diante deste enigmático universo
Do qual não sei muita coisa
E trilho um caminho de descobertas a cada passo
Que dou na busca pelo conhecimento.
Não diga que não posso alcançar os meus sonhos
E que não conseguirei galgar os espaços
Que almeja a minha esperança
Porque eu posso!
Aprenda a vencer os seus medos
E viva uma vida de conhecimento e nostalgia.
Determinação e força de vontade
Pode levar-te ao topo mais alto da montanha.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
46
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
0
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.