https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

somos nós, nós somos!

 
Open in new window

Somos nós,
que se desatam
Nós somos
laços que se atam

Somos nós,
que se firmam
Nós somos
braços que se amparam

Somos nós,
que se juntam
Nós somos
aços que correntes formam

Somos nós,
que se estreitam
Nós somos
abraços que eternizam...

AjAraujo, 2-Jan-16

AjAraujo, o poeta humanista.

Arte por Larry Carlson
 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
359
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
2
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/01/2020 19:47  Atualizado: 03/01/2020 19:48
 Re: somos nós, nós somos!
Caro amigo Araújo, os nós e a interpretação que se pode fazer dos mesmos, os nós atam e como tal tanto atam a vida como a morte. Eu penso na saudade, na solidão e, os nós, sendo os nós em harmonia numa liberdade autentica de ser uma corda para a outra sinónimo de coisas boas como dois namorados, duas primaveras sedentas de vida, e de facto o bem estar que hoje falta a muitos ainda mais com esta modernidade instalada em que a sobrevivência dita leis sobre qualquer valor moral... agora ia falar de outros nós e, quase que disse tudo no paragrafo anterior, bom, os outros nós de que ia falar vivem mortos, como disse um dia o poeta, covardemente agarradinhos. arranjos, enfim. os poemas teem destas coisas, põem-nos a pensar



continuação de uma boa tarde... a diferença de horários daqui para aí... continuação de um bom dia