https://www.poetris.com/
 
Acrósticos : 

sociedade surrealista

 

Como posso falar
Neste mundo de podridão?
Se querem me calar,
Dizendo ser alucinação?

Todos tem passado.
Alguns tristes,outros felizes,
Caminham calados
Neste mundo de matizes

O que fizeram com a terra?
Sangraram seu coração
Proclamando guerra
E só escravidão!

Dizem que há liberdade de expressão!
Fale,e irá preso!
Isso é pura ilusão!
Ninguém fica ileso!

Sou poeta!vivo loucamente
neste mundo globalizado
corpo presente
pensamento isolado...

sou um autista para a sociedade.
Não me iludo,só escuto...
Vivo essa desigualdade e insanidade
morro,mas não permuto







Elen VianaElen Viana

 
Autor
Elen Viana
 
Texto
Data
Leituras
751
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.